2012_11_02 Estação de Metro Saldanha

























Desenho rápido de um passageiro no cais oposto à espera do metro. Raramente o tempo disponível excede os três minutos o que resulta num personagem meio inventado. A cor aplico em casa, de memória, o que geralmente faço quando não tenho tempo para fotografar.

2 comentários:

  1. Também já tentei desenhar pessoas que estão do outro lado dos carris, mas corre-me sempre mal. Sinto que estou demasiado longe. Mesmo não desenhando as caras, preciso sempre de sentir todos os detalhes, quase tocar. No metro tenho optado sempre por desenhar quem está a pouco mais de meio metro de distância.
    Ainda assim dou-te os parabéns porque tiveste coragem de desenhar o rosto, e o personagem está expressivo. Abraço.

    ResponderEliminar
  2. Faltavam poucos minutos para o metro chegar e o que era um indivíduo de meia idade e aparentando ser indiano com a rapidez do traço transformou-se num jovem de aspecto europeu o que não me preocupa pois não tenho a intenção de fazer um retrato o que também me deixa mais despreocupado e mais concentrado no desenho. Na primeira oportunidade vou cuscar a exposição dos teus desenhos. Um abraço.

    ResponderEliminar