2016_06_07 Rua da Mouraria



Para responder ao desafio do Pedro Cabral de redesenhar Lisboa seguindo o percurso de Roque Gameiro escolhi a entrada para o Colégio dos Meninos Órfãos na Rua da Mouraria onde se destaca um aparatoso arco de estilo manuelino.
As figuras típicas e os antigos habitantes da Mouraria do início do século XX foram substituídos por turistas que com uma mão puxam a mala de viagem e na outra trazem o mapa que olham fixamente à procura de orientação e pelos imigrantes de todo o mundo que fazem da Mouraria o local mais multicultural que encontrei em Lisboa.

Sem comentários:

Enviar um comentário